domingo, 13 de junho de 2010

Santo Antônio!!

 

santo-antonio-2

Hoje eu me lembrei de uma época em que minha mãe se preocupava com o fato de eu não ter um namorado. E um pouco com o fato de minha irmã mais nova estar sem namorado. Ela já havia tido um relacionamento que durou um tempo considerável. Eu nunca tinha tido um namorado, exceto um rapaz que eu estava ficando e insistiu que tinha que freqüentar minha casa, mas não durou três meses. Ele era do tipo “eu te amo! - No segundo beijo.” Tá certo que “I’m hot!”, mas não é para tanto. HaHaHAHahAhaHa..

Pois bem, a filha mais velha com 23 anos e sem histórico de namoros. Hummm… Era preocupante. Então me lembro que em 2005 minha cunhada chegou no dia dos namorado – dia anterior ao dia de Sto. Antônio – com duas imagens de biscuit do santo. Uma para mim e outra para minha irmã. Chegou com um tom de ironia, meio que brincando, meio que falando sério… Que talvez assim a gente encontrasse um namorado.

Foi aí que tudo começou… A chantagem com o santo. Sempre achei essa relação chantagiosa com os seres celestes muito engraçada.  É sempre: “Me faça isso que lhe dou aquilo!” “Lhe privo disso, até conseguir o que quero"!

news_33416_big_200906121833358660 O coitado do santo fica em um copo d’água até o namorado surgir ou fica pendurado em algum lugar de cabeça para baixo ou então é arrancado dele o menino jesus em seu colo. E um dia: Tcharam! Eis o namorado.

Minha mãe pendurou os dois santos e por coincidência ou por cansaço do santo – HaHaHaHaHAHa – no mesmo ano eu e minha irmã começamos a namorar os caras com quem estamos até hoje.

Bem… Se essa relação chantagiosa funciona ou não. Não sei! Mas é no mínimo engraçado quando dá certo.

 

E viva o Santo Antônio! Que Deus o livre das maldades das mulheres que procuram por namorado para ela ou para outrem. HiHiHiHi…

Um comentário:

  1. E o santo é besta de ve-las sem namorado outra vez. Só ele sabe como é ficar metido num copo d'agua de cabeça para baixo. Tô fora... eu heinnn!!

    ResponderExcluir

Comentários moderados.