sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Permissão para o erro.

Olha eu fazendo essa mesma merda de novo!
Quem nunca passou por isso?? Fazer algo que outros e até você mesmo considera errado pode se tornar um ciclo vicioso, quando você acha que se distanciou, está lá novamente, fazendo as mesmas coisas, com as mesmas dúvidas, as mesmas chateações, o mesmo cansaço: tudo repetido.
Eu queria conseguir controlar a mim mesma. A ter consciência do que eu achei que aprendi com o erro anterior e não repetir o que considerei erro nunca mais. Mas o desejo é tão grande... Desejo é algo que enlouquece a vida da gente. Quando desejamos muito algo nos tornamos vulneráveis a esse algo. Ficamos a mercê desse algo.
Sinceramente, hoje eu só gostaria de conseguir viver o que tanto desejo, sem precisar me sentir torta.
Hoje é um dia para ouvir Gogol Bordello: Think Locally, fuck globally.
E eu diria que meu local é bem localizado em mim mesma.[Vide Umbiguismo.]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários moderados.