terça-feira, 3 de novembro de 2009

Ouça.



"O passado não foi o bastante
Pra lhe convencer
Que o futuro seria bem grande
Só eu e você!" [Maysa]

Meu final de semana foi meio quase perto de vontades típicas de Maysa.

E o que quer dizer isso? Quer dizer que tive quase vontade de fazer arruaça, de fazer escândalo, de subir na mesa, de ficar nua em público, de recitar um poema e depois arrastar um garotinho qualquer para a cama.

Tive quase vontade de chorar por amor. De tomar Uisque. De gritar o nome dele, de ligar, chorar, pedir consolo e me arrebentar por dentro. Tive quase vontade de ficar louca, fazer uma maquiagem fixa que evidenciasse um olhar absoluto. Tive quase vontade de cantar lindamente, bêbada e descompensada. De cortar os pulsos superficialmente para chamar atenção.

Mas tudo isso foi quase vontades. Pois não gosto de vontades repetidas, releituras de vontades alheias, não gosto de repetir cenas e nem de programa outras aparentemente novas. Mais do mesmo em nova roupagem.

Na verdade o que eu queria era apenas uma resposta para uma pergunta que ainda não saiu da minha cabeça, mas que sei que nunca terei, pois não perguntarei.

Só espero que logo essa pergunta se evapore.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários moderados.