quarta-feira, 18 de novembro de 2009

A Arte de Ser Mulher.



Vários artistas em todo o mundo expressaram sua arte através da mulher. De várias formas e vários ângulos.


Amedeo Modigliani expôs o rosto de Jeanne [sua amada] através de sua arte.


Joan Miró trouxe a beleza de uma lind[A] Bailarina.




E temos mais e mais... Monalisa, a Vênus de Milo, madona's...


Há momentos poéticos e extremamente polêmicos, como a exposição da arte de Gustave Courbet, um pintor francês considerado anarquista que viveu no século XIX.

Ele, magnificamente, nomeou a obra a seguir de "A Origem do Mundo".



Não sou conhecedora das artes. Apenas aprecio o impulso criativo, porcamente, mas aprecio. Não me arrisco a opinar sobre e muito menos criticar. Para mim, basta poder olhar o que vem do íntimo de alguém. Poder compartilhar um pouco do segredo do outro que ele me permitiu conhecer.

Quando vi essa imagem do Gustave foi uma delícia [com direito a piadinha, mas eu não gosto de buceta, ainda mais com esse tanto de cabelo.. arg!]. Piadinha a parte, é deslumbrante perceber as várias formas que podemos olhar as coisas, as pessoas e o mundo.


E, saber que alguém viu na buceta de uma mulher a origem do mundo foi o maior elogio que eu poderia receber em minha vida.


Um brinde ao Gustave Courbet!

Um comentário:

  1. eu comentei aqui.
    ah.
    acho que não enviou pq eu sou apressada.
    falei:
    a bct é mágica! a imagem do Gustave Courbet não é bonita, mas é legal mesmo ver um homem entendendo a bct de forma diferente. ela é multiuso, e muitas partes são, mas dali sai gente, gente!
    legal!

    PS: depilação não faz mal, fala pra moça da imagem aê.

    ResponderExcluir

Comentários moderados.